TEL: (54) 3231.7800 | (54) 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS) | (54) 9 8418.6298 (WHATSAPP)

Compartilhar

facebook twiter google plus linkedin

classificados

Six Interfaces Figueiró Super Util

Policial

Balanço da Operação Finados 2017

06/11/2017

Ao fim da noite do último domingo, dia 05, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou, em âmbito nacional, a Operação Finados 2017, esforço no intuito de inibição do cometimento de infrações e redução da violência no trânsito nas rodovias federais no período que compreendeu entre os dias 01 e 05 de novembro.

Na circunscrição da 5ª delegacia PRF, que consta com unidades operacionais nas cidades de Caxias do Sul, Nova Petrópolis e Vacaria, os dados apontam para mais um feriado sem fatalidades e nem mesmo feridos graves, com nenhum acidente registrado de destaque.

As ações preventivas como os comandos de fiscalização em pontos estratégicos, o uso do radar portátil de velocidade e os inúmeros testes de etilômetro são ferramentas indispensáveis para a contínua inibição da imprudência no trânsito. Somente neste feriado, aproximadamente quatrocentos veículos foram fiscalizados pelos agentes federais na região, com mais de duzentos testes de alcoolemia realizados e apenas quatro casos de embriaguez ao volante constatados.

Já o número de flagrantes de ultrapassagens proibidas chegou a vinte, de um total de mais de quinhentas irregularidades autuadas nos diferentes enquadramentos do Código de Trânsito Brasileiro.

O excesso de velocidade é disparadamente o vilão nessa estatística: mais de duzentas e cinquenta imagens de veículo acima da velocidade máxima permitida pela via foram registradas nos diversos pontos fiscalizados, correspondendo a um pouco mais de 50% das irregularidades flagradas.

No combate à criminalidade foram oito o total de detidos pela PRF na operação, sendo a maior parte por crimes de trânsito, como violação do direito de dirigir e alcoolemia. Destaque para a prisão em flagrante de um suspeito de tráfico de drogas sintéticas ocorrido na sexta-feira, em Caxias do Sul.

 

Fonte:

Compartilhar

facebook twiter google plus linkedin

Comente este post!