TEL: (54) 3231.7800 | (54) 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS) | (54) 9 8418.6298 (WHATSAPP)

Compartilhar

facebook twiter google plus linkedin

classificados


  • CLASSIFICADOS 22/06/2018



    EMPREGO



    - Tozzo Alimentos contrata: Representante Comercial autônomo com sede em Vacaria, para atuação na região, requisitos: Possuir Core, pessoa física, veiculo próprio. Int. contatos 54- 9 9992 4443 Sandro, ou
    coordenador550@tozzoalimentos.com.br.



     



    - LVM Acessórios contrata: Estofador para Caminhões com experiência, e vendedor com experiência em peças para caminhões. Int. Tratar pelo fone 3512 1317 Ou deixar currículo na loja.



     



    - Um homem se oferece para trabalhar como motorista, possui CNH categoria E, Curso de Mopp, cargas individuais, possui referencias e experiência com carga granel e viva. Int. Tratar pelo fone 9 9995 2311.



     



    - Um senhor conserta e reforma fornos elétricos e fogões a lenha e a gás á domicilio com limpeza de chaminés e canos de fogões orçamento gratuito. Int. Tratar pelo fone 9 8125 8495.



     



    IMÓVEIS



    - Vendem-se casas de dois quartos, em condomínio fechado, no bairro Jardim Toscano, valor R$ 130.000,00. Int. Tratar pelos fones 9 9713 4756 ou 3232 5838.



     



    - Aluga-se uma quitinete, sem garagem, próximo ao centro, para uma pessoa sozinha, que não fume e não tenha animais de estimação. Int. Tratar pelo fone 3232 8152.



     



    - Vende-se uma casa na Rua Marechal Deodoro nº 1369 bairro Altos da Glória ou troca-se por uma área de terra. Int. Tratar pelo fone 9 9213 6065.



     



    - Vende-se um terreno com 420m², bem localizado, aceita-se caminhão, carreta ou carro no negócio. Int. tratar pelo fone 9 9995 2311.



     



    - Vende-se uma casa para retirar do local, na Rua Manoel Silveira da Rosa, nº 490 bairro Jardim América. Int. Tratar pelo fone 9 9977 3146.



     



    - Procura-se para arrendar uma área de terra acima de 20hectares, para lavoura de grãos. Int. Tratar pelo fone whats 9 9644 1584.



     



    - Aluga-se uma casa nas proximidades do Centro, sem garage, para casal sem filhos e sem animais de estimação. Int. Tratar pelo fone 3232 6340.



     



    - Procura-se casa para alugar nas proximidades do Bairro Glória, com valor Maximo de até R$ 400,00. Int. Tratar pelo fone 9 9644 9208.



     



    - Arrenda-se uma área de lavoura, com pastagem para gado. Int. Tratar pelo fone 3232 6340.



     



    - Vende-se terreno na Rua Teodoro Marchiniak, bairro imperial. Int. Tratar pelos fones 9 9611 0087 ou 9 9676 3651.



     



    - Aluga-se casa de preferência para casal, casal de aposentados , ou senhora sozinha, sem animais de estimação, no bairro Lomba Chata. Int. Tratar pelo fone 9 9131 9248.



     



    ANIMAIS



    - Vendem-se filhotes de Fox Paulista, puro sangue, uma fêmea e dois machos. Int. Tratar pelo fone 9 9977 5715.



     



    - Vendem-se filhotes de Shih Tzu fêmea, Yorkshire machos, pinscher gatos persa e angorás. Int. Tratar pelo fone 3232 7165.



     



    - Vende-se égua baia, encilhada e mansa, valor R$ 800,00. Int. Tratar pelo fone 9 9972 6327.



     



    - Vende-se 3 vacas e 3 terneiros. Int. Tratar pelo fone 9 9995 6592.



     



    VEICULOS



    - Vende-se trator modelo Valmet ID 60, com um debulhador de milho e um arado, valor R$ 15.000,00. Int. Tratar pelo fone 9 9698 2267 ou 9 8114 0238.



     



    - Vende-se Kombi ano 2013 e um Fox ao 2005, aceita-se troca. Int. Tratar pelo fone 9 9605 1787.



     



    DIVERSOS



    - Vende-se grande quantidade de palanques de eucalipto de 3 metros e arame galvanizado, seminovos, para pomares. Int. Tratar pelos fones 9 8143 5484 ou 9 9963 0154.



     



    - Vende-se lenha a partir de R$ 120,00 o metro entrega a domicilio e também em sacos precisa buscar. Int. Tratar pelos fones 9 9913 0169 ou 3231 1488 ou na Rua Alípio Ramiro Porto nº105 anexo ao mercado Girardi.



     



    - Vendem-se varas de eucalipto 3m, R$ 5,00 cada, e compensado usado para obra. Int. tratar pelo fone 3232 5616.



     



    - Vende-se lenha de eucalipto. Int. Tratar pelos fones 9 8448 4806 ou 3232 0385.



     



    - Foi perdida uma chave de TOYOTA, com dois controles. Quem encontrar entrar em contato pelo fone 9 8166 3054. Gratifica-se.



     



    - Um caminhão baú vai a Três palmeiras dia 24/06 e volta vazio passando por Passo Fundo e região. Quem tiver alguma coisa para trazer entrar em contato pelo fone 9 9933 5810.



     



    DOCUMENTOS



    - Foram perdidos documentos em nome de Dinara Salmoria Gomes. Quem encontrar entrar em contato pelos fones 9 8119 1826 ou 9 8149 1014.



     



    - Foram encontrados os documentos de:



    Ana Paula Pozzebon



    Anderson Araujo da Silva



    Antônio Carlos Gomes da Silva



    Carla Irema Weber



    Carla da Silva



    Charles Gabriel Pastorini



    Daniel Guaiter da Silva



    Eduardo Pereira Matheus



    Fabiane Beatriz Machado



    Fabiane Pereira Godinho



    Fabrício Aparecido Tetericz



    Helena Maria Ribeiro Silva



    Janete Terezinha Trevisan Invernizzi



    Marcos Pegoraro



    Maria Natalia da Costa



    Mateus Vieites de Jesus



    Taciana Santos Cesa



    Yan Pinter das Chagas



    Yuri Cauan da Silva Almeida



    Os mesmos devem retirar na Portaria da Rádio Esmeralda, em horário comercial.



     


Six Interfaces Figueiró Super Util

Política

"Não é nada demais alguém trabalhar até 65 anos" diz Arthur Maia

26/04/2017

O relator da reforma da Previdência na Câmara, deputado Arthur Maia (PPS-BA), disse nesta terça-feira não ver "nada demais" no fato de brasileiros, "ainda mais funcionários públicos", terem de trabalhar até os 65 anos, idade mínima prevista na proposta para que homens possam se aposentar. A declaração foi dada durante bate-papo ao vivo na página oficial do Facebook da Câmara.

 

"Não estamos proibindo ninguém de se aposentar, mas, se a pessoa quiser, porque pode, se aposentar com integralidade, tem de ir até os 65 anos, que, diga-se de passagem, hoje não é nada demais alguém trabalhar até os 65 anos, ainda mais funcionário público", afirmou o relator durante a transmissão, ao responder pergunta de um internauta sobre regras de aposentadoria para servidores públicos.

 

 

Em seu parecer apresentado na semana passada, o relator propôs que servidores que entraram no funcionalismo antes de 2003 só terão direito a se aposentar com o benefício integral (maior salário da carreira, ainda que acima do teto do INSS, de R$ 5.531,31) aos 65 anos, no caso de homens, e 62 anos, mulheres. Hoje, esses servidores têm direito a integralidade aos 60 anos e 55 anos, desde que cumpram uma transição.

 

A "trava" foi vista com bons olhos pelo governo e por economistas, pois, na avaliação deles, isso significaria uma economia a mais para as contas públicas. No entanto, a medida gerou revolva entre servidores, que acusam o relator da reforma de promover uma mudança violenta nas regras do jogo e prejudicar aqueles que ingressaram mais cedo no funcionalismo do que os demais.

 

Os mais prejudicados pela imposição da idade mínima de 62/65 para obter integralidade e paridade, segundo uma fonte, seriam os servidores que ingressaram antes de 1999. A regra atual permite que esses servidores reduzam a idade mínima atual dos servidores (60 anos para homens e 55 anos para mulheres) em um ano a cada ano de contribuição a mais em relação ao obrigatório (35 anos para homens e 30 anos para mulheres).

 

Como mostrou o jornal "O Estado de S. Paulo" no sábado, a pressão por novas mudanças no relatório deve subir de temperatura ao longo desta semana com a guerra declarada dos servidores. Duas alternativas de mudanças já estão na mesa de negociação para reverter em parte o endurecimento da regras de aposentadoria dos servidores públicos, admitem lideranças governistas e até mesmo integrantes do governo que participam diretamente da negociação do texto.

 

Uma das alternativas que estão sendo analisadas seria impor idades mínimas mais suaves do que os 62/65 da regra definitiva da reforma para que esses servidores, há mais tempo na ativa, possam acessar a integralidade e a paridade. "A solução vai partir daí, mas vamos ter de pensar com muito cuidado no que pode ser feito", afirmou um participante das negociações. Segundo a fonte, a ideia é sim atrasar a aposentadoria desses servidores, mas com um "castigo" não tão duro.

Foto: Antonio Cruz / Agência Brasil 

Fonte:http://correiodopovo.com.br/Noticias/Politica/2017/04/616074/Nao-e-nada-demais-alguem-trabalhar-ate-65-anos-diz-Arthur-Maia

Compartilhar

facebook twiter google plus linkedin

Comente este post!