Rádio Esmeralda

TEL: (54) 3231.7800 | (54) 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS) | (54) 9 8418.6298 (WHATSAPP)

Compartilhar

facebook twiter google plus linkedin

classificados

Six Interfaces Figueiró Super Util

Região

Polícia Civil remete ao Poder Judiciário inquérito referente à apreensão de bovinos em Bom Jesus

17/06/2015

 

A Delegacia de Polícia de Bom Jesus remeteu ao Poder Judiciário no dia de ontem, terça-feira, dia 16, o Inquérito Policial referente à apreensão de mais de 300 bovinos naquela cidade.

Conforme informações do delegado de Polícia substituto da DP de Bom Jesus, Flademir Paulino de Andrade, o Inquérito Policial, que tem mais de 400 páginas, foi instaurado no dia 25 de fevereiro deste ano, após a realização de uma Operação Policial Contra o Abigeato, montada para o cumprimento de Mandados de Busca e Apreensão em fazendas localizadas no interior da cidade de Bom Jesus.

Em duas fazendas, foram encontrados centenas de bovinos referentes aos quais o responsável encontrado no local não assumiu a propriedade.

Os bovinos no sistema, foram colocados em nome de uma Terceira Pessoa que, inicialmente, declarou não ser proprietária dos referidos animais.

Devido a isso, no dia da Operação, o homem que se apresentou como responsável pela fazenda foi autuado em flagrante e conduzido ao Presídio Estadual de Vacaria.

Por determinação Judicial, no mês de março, todos os animais foram reunidos no Parque de Rodeios de Bom Jesus a fim de serem leiloados, mas o leilão foi suspenso após a impetração de Mandado de Segurança no Tribunal de Justiça, efetivada inclusive pela própria pessoa que inicialmente informou não ser proprietária dos animais.

Dois dos bovinos reunidos no Parque de Rodeios foram reconhecidos por uma vítima como tendo sido furtados no ano de 2014.

Um dos INDICIADOS no Inquérito possui antecedentes pela prática de Estelionatos referentes à compra de bovinos e posterior sustação de cheques utilizados nos pagamentos.

As investigações concluíram que a estratégia de colocar os bovinos em nome de uma Terceira pessoa foi utilizada para Fraudar a Fiscalização e Pagamentos, inclusive de Tributos.

O Inquérito Policial remetido ao PODER JUDICIÁRIO no dia de ontem teve LUIZ ALCEU DA SILVA MACIEL, ALCEU MACIEL DA SILVA e DALTRO REIS SOARES COMO INDICIADOS pela prática de CRIME CONTRA A ORDEM TRIBUTÁRIA E DOS CRIMES DE FALSIDADE IDEOLÓGICA, RECEPTAÇÃO E ASSOCIAÇÃO CRIMINOSA E DALTRO REIS SOARES COMO INDICIADO TAMBÉM PELA PRÁTICA DO CRIME DE FALSO TESTEMUNHO.

Fonte:Adelar Gonçalves/Dep. Jornalismo e Delegado Flademir Paulino de Andrade

Compartilhar

facebook twiter google plus linkedin

Galeria

Comente este post!