Rádio Esmeralda

TEL: (54) 3231.7800 | (54) 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS) | (54) 9 8418.6298 (WHATSAPP)

Compartilhar

facebook twiter google plus linkedin

classificados

Six Interfaces Figueiró Super Util

Policial

Polícia investiga casos de desaparecimento de pessoas em Vacaria

04/10/2018

HOMEM DE CAPESTRE CONTINUA DESAPARECIDO

 

Edgar Alves Teixeira de 27 anos de idade, morador de Campestre da Serra, continua desaparecido. O Delegado de Policia Civil Anderson Silveira de Lima, na entrevista que concedeu ao jornalismo da Rádio Esmeralda na manhã desta quinta – feira, dia 4, afirmou que as investigações continuam.

 

Edgar saiu da sua residência  dia 13 de setembro, por volta das 9 horas e 30 minutos   com destino a Vacaria, para tratar de assuntos pessoais em um estabelecimento comercial.

 

Através das Câmeras de Videomonitoramento foi constatado que o mesmo esteve em um Posto de Combustível, na saída de Campestre, seguiu pela BR 116, passando por Vacaria, sendo que estava sozinho no veiculo Uno. 

 

O veiculo foi encontrado  dia 18 de setembro  nas margens da BR 116, próximo a divisa do Rio Grande do Sul com Santa Catarina.

Os órgãos de segurança estiveram no local, realizando a pericia e buscas nas proximidades, mas nada de anormal foi encontrado.

 

Edgar Alves Teixeira, até agora não foi localizado, fato que intriga a Policia, familiares e os amigos, sendo que as investigações continuam.

 

 

 

TRES PESSOAS CONTINUAM  DESAPARECIDAS  NA CAPELA CARAVÁGIO

 

O Delegado de Policia Civil de Vacaria Anderson Silveira de Lima, em entrevista concedida ao jornalismo da Rádio Esmeralda, nesta quinta – feira, dia 4, confirmou que os trabalhos de investigação sobre  três pessoas desparecidas  na Capela do Caravágio, no sexto distrito de Vacaria  continuam.

 

Fazem seis meses do desaparecimento dos três moradores de Caxias do Sul, que trabalhavam em uma construção naquele local.

 

 Eleandro Aparecido Rodrigues Moraes, 40 anos de idade, natural de Altamira do Paraná; Nelson Jair Soares, 44 anos, natural de Alegria, estado do Rio Grande do Sul e Alexsandro do Amaral Correa, 23 anos de idade,  natural de Vacaria iriam concluir a construção de uma casa de lazer as margens do Rio Pelotas, mas não retornaram  mais ao convívio de  seus familiares em Caxias do Sul.

 

A polícia civil encontrou a casa aberta, o caminhão de propriedade de Eleandro e os pertences dos dois construtores no interior da residência.

 

Diversas investigações e buscas foram realizadas e ouvidos os vizinhos e pessoas relacionadas ao empresário, mas nada de positivo foi concluído.

 

Nos dias 29 e 30 de setembro a Policia Civil voltou ao local e realizou novas investigações e também foram feitas escavações nas proximidades da casa em construção, mas nada foi encontrado.

 

O delegado, Anderson Silveira de Lima confirmou que a polícia continuará com as investigações, tentando chegar  a uma solução neste caso.

 

 

Na foto: Delegado de Polícia Anderson Silveira de Lima

 

 

 

Fonte:Betão Carneiro/Rádio Esmeralda

Compartilhar

facebook twiter google plus linkedin

Comente este post!