TEL: (54) 3231.7800 | (54) 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS) | (54) 9 8418.6298 (WHATSAPP)

Compartilhar

facebook twiter google plus linkedin

classificados

Six Interfaces Figueiró Super Util

Região

Campestre se transforma na capital do alho

09/11/2014
Com a presença de cerca de 500 produtores, aconteceu em São Manoel, distrito de Campestre da Serra na sexta-feira dia 07, a 27ª Edição do Encontro Nacional do Alho. O evento é realizado anualmente pela Associação Nacional dos Produtores de Alho – ANAPA, e reúne os produtores de alho de todo país para discutir sobre diversos assuntos que envolvem o setor. O presidente da entidade é Olir Schiavenin que é produtor de alho em Flores da Cunha. No ano passado aconteceu no estado de Goiás e Campestre da Serra foi o município escolhido para sediar em 2014. Entre os assuntos, estiveram as questões técnicas de produção, comercialização do produto e principalmente falaram sobre a entrada do alho Chinês no Brasil que trava o mercado brasileiro. Depoimentos afirmam que produtores já desistiram da cultura porque o alho Chinês toma conta do mercado, entrando no país sem o pagamento devido de impostos e com qualidade baixa. Eles admitem que a importação é necessária, porém, tem que ser feita de forma legal e que não prejudique o produtor brasileiro. No Brasil são plantados cerca de 10 mil hectares de alho com uma produção anual de 112 mil toneladas. Só Campestre da Serra tem 35 produtores que colhem mais ou menos 1300 toneladas. O alho produzido no Brasil é da espécie roxa e de alto padrão de qualidade. Os produtores presentes também se queixaram do alto custo de produção, somando-se a isso os insumos e a mão de obra cara. O delegado do Ministério da Agricultura Francisco Signor esteve presente e ouviu as reivindicações. Prometeu ajudar o setor em todas as questões para que o produtor não seja mais prejudicado e com o risco de parar de produzir. Estiveram presentes ao evento além dos produtores de alho, diversas autoridades municipais e estaduais, dentre eles a prefeita Marta Goeltzer de Campestre da Serra, prefeito de São Marcos Demétrio Lazarotto e o prefeito de Bom Jesus Frederico Becker Dutra, presidente da AMUCSER – Associação dos Municípios dos Campos de Cima da Serra. O Rio Grande do Sul é o quarto maior produtor de alho do país. Em primeiro lugar está o estado de Goiás.
Fonte:Miro Santos/RadioEsmeralda

Compartilhar

facebook twiter google plus linkedin

Galeria

Comente este post!