Rádio Esmeralda

TEL: (54) 3231.7800 | (54) 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS) | (54) 9 8418.6298 (WHATSAPP)

Compartilhar

facebook twiter google plus linkedin

classificados

Six Interfaces Figueiró Super Util

Geral

Indonésia vai executar neste sábado brasileiro condenado por tráfico

15/01/2015
Marco Archer Cardoso Moreira, 53 anos, foi preso em 2004, ao entrar no país com mais de 13kg de cocaína em tubos de Asa Delta. O governo da Indonésia informou ontem, quarta-feira, dia 14, que a execução do brasileiro Marco Archer Cardoso Moreira, 53 anos, ocorrerá na noite do próximo sábado, dia 17, (meio da tarde, no Brasil). Ele foi condenado por tráfico em 2004, ao entrar no país com 13,4 kg de cocaína escondidos em tubos de uma asa-delta. A informação foi dada ao jornal Folha de S. Paulo por Tony Spontana, porta-voz da Procuradoria-Geral, órgão responsável pelas execuções na Indonésia. Se ocorrer, será a primeira vez que um brasileiro será executado no Exterior. A morte será por fuzilamento. Outro brasileiro, o paranaense Rodrigo Gularte, 42 anos, também está no corredor da morte do país. Ele teve rejeitado, na última sexta, o pedido de clemência feito ao presidente Joko Widodo. Não há mais impeditivos legais no país para executá-lo. Preparação Na quarta-feira, Marco foi levado da prisão de Pasir Putih (localizada a 400 km da capital Jacarta) para outra unidade, como procedimento preparatório para a execução. Ele ficará isolado antes do fuzilamento. De acordo com a reportagem da Folha, uma tia de Marco viaja para o país. No Brasil, amigos se mobilizam nas redes sociais para tentar evitar a execução. Os pais de Marcos já morreram, e ele não tem filhos. Segundo Utomo Karim, advogado pago pelo governo brasileiro para defendê-lo, a essa altura, apenas a intervenção da presidente Dilma Rousseff, diretamente com o presidente da Indonésia, poderia adiar a execução do brasileiro. Widodo, no entanto, não teria respondido aos pedidos de contato feitos pelo Brasil.
Fonte:Clic RBS

Compartilhar

facebook twiter google plus linkedin

Comente este post!