Rádio Esmeralda

TEL: (54) 3231.7800 | (54) 3231.2828 (PEDIDOS DE MÚSICAS) | (54) 9 8418.6298 (WHATSAPP)

Compartilhar

facebook twiter google plus linkedin

classificados

Six Interfaces Figueiró Super Util

Policial

Orgãos de segurança pedem redutor de velocidade na curva da bica

07/05/2020

 

A Polícia Civil encaminhou solicitação ao Chefe da Unidade de Vacaria do DNIT, Engenheiro Daniel Bencke, para providências no sentido de evitar os acidentes que se repetem no Km 52,2 da BR 116, sentido Campestre da Serra - Vacaria, local conhecido como "Curva da Bica".   

 

Desde que o redutor eletrônico de velocidade foi retirado, há pouco mais de um ano aconteceram pelo menos onze acidentes graves. Via de regra, são condutores de caminhões que não respeitam a indicação de velocidade máxima e acabam tombando sobre a pista contrária.   

A tragédia está anunciada, basta atingir veículo de menor porte trafegando em via contrária. 

 

Segundo o Delegado de Polícia Carlos Alberto Defaveri, titular da 25ª Delegacia Regional de Polícia do Interior, a causa originária desses acidentes, na maioria das vezes, é a imprudência do motorista;  mas quando eles se repetem no mesmo ponto, é indicativo de necessidade de implantação de dispositivos específicos de segurança.  No local, o controlador de velocidade mostrava-se eficiente. 

 

Os acidentes de trânsito com lesão corporal ou morte têm repercussão em procedimentos pela Polícia Civil, e geram danos e sequelas físicas, psicológicas, prejuízos materiais diretos e indiretos, prejuízos ao sistema de seguridade social, ao sistema público de saúde, e perdas de vidas.    

 

Sabe-se que a Polícia Rodoviária Federal e o Ministério Público de Vacaria também oficializaram a mesma preocupação.

 

Foto do último acidente ocorrido no local

Fonte:Polícia Civil

Compartilhar

facebook twiter google plus linkedin

Comente este post!